Bagagem extraviada – O que fazer?

Conheça seus direitos.

Pousa o avião, desafivelam-se os cintos e os passageiros seguem até a sala de desembarque para aguardar a chegada da bagagem. As malas são colocadas e retiradas da esteira e você aguarda ansioso pela sua. Malas pretas, azuis, rosas, com rodinha, sem rodinha, varas de pesca, fitinhas do Senhor do Bonfim, caixas cheias de adesivos dizendo: ‘Frágil’, e nada da sua mala. Você começa a ficar apreensivo, a sala vai esvaziando, a esteira também, até que… só resta você (cri cri).

Um sentimento de preocupação, seguindo de desespero, que se transforma em raiva: “Minha bagagem sumiu!”. E agora? O que fazer?

Em primeiro lugar, fique calmo, o Viagem na Lata está aqui para te ajudar.

Infelizmente todos nós estamos sujeitos a sofrer algum problema com o transporte de bagagem. Em 2010, de acordo com a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), foram registradas 7.120 reclamações relacionadas à problemas com bagagens.

Há diversos fatores que podem ocasionar o extravio da bagagem. Em viagens com escala ou conexão, por exemplo, sua mala pode ser esquecida na transferência entre um avião e outro ou ser retirada antes da hora. A etiqueta pode se desprender, dificultando a identificação do destino da mala. Ou, a bagagem pode cair no trajeto feito sobre as esteiras e carrinhos que transportam a mala pelo aeroporto, como mostramos no post A Viagem da Mala. Outro passageiro pode levar sua mala por engano, entre outros motivos.

Mas não é só o extravio da bagagem que causa transtorno, também vemos com frequência casos de bagagens danificadas ou que tiveram objetos ‘furtados’.

Para ajudar nossos amigos viajantes, relacionamos aqui algumas medidas que podem ser tomadas para minimizar esses problemas:

  • Identifique sua bagagem. Facilmente encontramos malas parecidas nos aeroportos, o que pode causar confusão no momento de retirar a bagagem da esteira. Sua mala pode ser confundida com a de outro passageiro e ser levada por engano. Portanto, procure identificar sua bagagem com adereços como fitas, adesivos, chaveiros, ou qualquer outro item que ajude a diferenciá-la. Além disso, coloque uma etiqueta com nome e dados para contato (telefone, e-mail), assim, caso sua bagagem seja levada por engano, a outra pessoa conseguirá entrar em contato com você. Algumas malas já possuem etiquetas de identificação.
  • Guarde o comprovante de bagagem. Quando você fizer o check in no balcão da companhia aérea, você receberá, junto com o cartão de embarque, o comprovante da bagagem. Você precisará apresentá-lo à companhia aérea, caso sua bagagem seja extraviada. A companhia o utilizará para localizar sua mala.
  • Proteja sua bagagem. Na maioria dos aeroportos, próximo a entrada, é oferecido um serviço de proteção à sua bagagem. A mala é lacrada com um plástico que protege contra arranhões, quedas, e dificulta a violação. No aeroporto de Guarulhos são cobrados R$ 30,00 por mala. A empresa TrueStar inclui no serviço assistência por telefone e o pagamento de um seguro, caso a bagagem não seja encontrada.
  • Confira sua bagagem. Ao retirar a bagagem da esteira, confira as informações da etiqueta com as informações do seu comprovante de bagagem. Verifique o seu nome, pois, por mais que parece sua mala, pode não ser. Confira também se a mesma não foi danificada e se todos os seus pertences estão ali (ao menos os principais). Caso identifique alguma irregularidade, procure imediatamente um funcionário da companhia aérea.
  • Não despache itens de valor. Evite transportar objetos de valor sentimental ou material. Procure carregá-los na bagagem de mão. Caso seja necessário despachar os bens, você

Se, mesmo tomando os cuidados necessários, você ainda tiver algum problema com sua bagagem, não se desespere e procure a companhia aérea imediatamente. Apesar da Anac determinar o prazo de 15 dias para reclamações de extravios e 7 dias para danos e/ou furtos, o ideal é entrar em contato com a companhia imediatamente. Quanto antes procurar por sua mala, mais fácil de ser encontrada. Em caso de violação, o passageiro pode exigir a pesagem da bagagem. Caso haja diferença em relação ao peso indicado no comprovante, o passageiro pode requerer a indenização.

Extravio

Junto à companhia aérea o passageiro deve preencher o Relatório de Irregularidade  de Bagagem (RIB). No relatório deve conter as descrições da bagagem (cor, tamanho, etc.), dados do vôo e dados de contato do passageiro.

Nos casos de extravio a companhia aérea tem até 30 dias para localiza-lá, em vôos nacionais, e 21 dias em vôos internacionais. Localizada a bagagem a companhia deve enviar para o endereço informado pelo cliente. Caso a mesma não seja localizada, a companhia deve indenizar o passageiro.

De acordo com a Convenção de Varsovia, que determina as regras para o transporte aéreo internacional, o passageiro deve ser ressarcido em US 20,00 por kg de bagagem. No Brasil, o Código de Defesa do Consumidor determina que o passageiro não deve ter prejuízos, portanto, o valor não pode ser menor que o valor correspondente aos bens extraviados.

Caso o passageiro não esteja em sua cidade de residência, após 24 horas do desaparecimento da bagagem, a companhia aérea deve fornecer um auxílio emergencial para que o passageiro possam comprar itens de uso pessoal. O valor desse auxílio pode variar de acordo com a companhia aérea.

Furto ou danos

Se identificar a ausência de algum pertence em sua bagagem você pode exigir que a mesma seja repesada pela companhia aérea. Caso haja diferença em relação ao peso registrado no momento do check in, informado no comprovante de bagagem, o passageiro pode requerer o pagamento de indenização.

Em caso de bagagem danificada a companhia pode providenciar o conserto da bagagem ou mesmo sua substituição.

Caso encontre alguma dificuldade em proceder junto à companhia aérea, procure o posto da Anac, no aeroporto. Se, ainda assim o problema não for resolvido, ou estiver insatisfeito, procure os órgãos competentes e registre sua reclamação.

Você já teve algum problema com extravio, danos ou violação de bagagem, ou possui alguma dúvida? Compartilhe conosco comentando aqui embaixo.

Anúncios

Um comentário em “Bagagem extraviada – O que fazer?

  1. Pingback: Sua mala foi extraviada? Anac prevê indenização na hora! | Viagem na Lata

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s