10 dicas para uma viagem de cruzeiro

#Anotaaí

Olá Viajantes!!!

O fim do ano está aí e a temporada de cruzeiros segue a todo vapor!
E você já está participando da #promoção para ganhar uma viagem com acompanhante? Ainda não? Então confere esse post e concorra.

E, enquanto o resultado não sai, selecionamos aqui 10 dicas úteis para quem pretende embarcar nessa inesquecível viagem de cruzeiro:

1º – Escolha o Navio que tem o seu perfil.
As temporadas de cruzeiro são cheias de opções de saídas, para diversos destinos como Nordeste, América do Sul, travessias transatlânticas, etc. Também há cruzeiros temáticos, alguns com aulas de dança, outros somente para universitários e os mais populares: com shows de grandes ídolos. Então, analise e escolha a melhor opção para você.

2º – Quanto antes comprar, mais barato vai pagar.
No Brasil, a temporada de cruzeiros começa entre novembro e dezembro e termina, aproximadamente, em março. Quando as companhias abrem as vendas lançam diversas promoções como 2º passageiro GRÁTIS, 50% de desconto para o terceiro e quarto passageiros.  Aproveite! Várias companhias já iniciaram as vendas para as temporadas de 2012/2013.

3º – Pacotes de Bebidas são ótimas opções.
Ao contrário da alimentação, na maioria dos navios, as bebidas não estão incluídas no pacote. São cobradas em dólares e algumas têm o preço um pouquinho salgado. Não adianta levar garrafas de casa, esconder na mala ou qualquer coisa do tipo. Se não for pego no embarque, as suas bebidas poderão ser confiscadas por camareiras e tripulantes. Peça para o seu agente de viagens as opções de pacotes de bebidas, saí mais barato e você pode parcelar junto com o pacote de viagens.

4º – Lojas no navio com preços convidativos.
Os navios possuem lojas estilo free shop (livre de impostos) para compras de produtos importados com preços muito atrativos. As lojas só funcionam durante a navegação entre cidades, elas ficam fechadas quando a embarcação esta atracada nos destinos. Lembre-se que bebidas também são vendidas na loja, porém só serão entregues ao passageiro na hora do desembarque.
Para os maridos que querem economizar #ficadica: não passe em frente essa loja, acompanhados por suas esposas.

5º – Atendimento médico no navio – $$
O atendimento médico no navio é caríssimo. Lá também são vendidos remédios com valores muito altos, por isso, prepare, desde casa, seu kit primeiros socorros com os remédios habitualmente usados. Se preferir, adquira o seguro viagem, que reembolsa os valores gastos com médicos e remédios durante a viagem.

6º – Ele balança mais não cai!
Garanto que muitos viajantes devem estar se perguntando: “Será que balança muito?” Bem, o balanço do navio está sujeito a agitação do mar. Há viagens em que o navio não balançará nada, algumas balançarão um pouco e outras um pouco mais do que o comum. Para os mais sensíveis a enjoos, leve seu remédio habitual, evite bebidas alcoólicas e procure uma cabine no centro do navio, onde há maior estabilidade. A tripulação recomenda comer maçã verde (que nunca falta!) e  remédios para enjôo são fornecidos na recepção.


7º – Ai Ai, O que vestir?

A dúvida da maioria dos viajantes, principalmente das mulheres, é que tipo de roupa levar. Pronto, a partir de hoje, isso não será mais problemas. Durante o dia, use roupas de praia, leves e informais. Use biquíni, maiô, bermuda, camiseta, chinelo, sandália, mas lembre-se de sempre estar com uma camiseta ou saída de banho nas áreas internas. Para as demais ocasiões, é necessário informar-se com seu agente de viagens, quais serão os eventos do seu navio, como festa à fantasia, noite branca, entre outros. No jantar do comandante, por exemplo, pede-se uma roupa mais formal: calça e camisa social para homens, vestidos para as mulheres. O terno e vestido longo, apesar de presentes, não são obrigatórios. Mas fique tranqüilo, não faça da sua viagem um bicho de sete cabeças por causa de roupas, o importante é se divertir!

8º – Acertando as contas.
Para embarcar no navio é preciso efetuar um ‘depósito’, em dólares, ou apresentar um cartão de crédito de bandeira internacional, como garantia de pagamento dos consumos realizados internamente. As compras serão registradas no seu cartão de bordo (o mesmo usado para abrir a porta da cabine), portanto não precisará usar dinheiro ou cartão. No desembarque será realizado o ‘acerto de contas’, onde todas as despesas de consumo são abatidas do depósito realizado ou debitadas do cartão. Mas fique tranqüilo, se consumir menos do que o valor deixado como garantia, seu dinheiro é devolvido. Informe-se com o seu agente de viagens sobre o valor mínimo solicitado por cada companhia de cruzeiro.

9º – Minhas roupas estão amassadas. O que faço?
A maioria dos navios não permite a entrada de ferros de passar, pois é um eletrodoméstico que pode causar incêndios. Caso necessite desamassar qualquer peça de roupa, será necessário contratar os serviços de lavanderia, portanto evite levar roupas que amassam.

10º – Meu telefone não dá sinal.
Em alto mar, provavelmente, seu celular não dará sinal, porém os navios oferecem serviço de internet e telefonia via satélite a um custo um tanto quanto elevado. Portanto, se a ligação não for urgente, aguarde o navio atracar, e utilize seu celular.

Espero que com esse conselhos, nossos leitores e viajantes garantam uma BOA VIAGEM.

Tem dúvidas, dicas e sugestões que gostaria de compartilhar
Deixe seu comentário ou entre em contato conosco.

Anúncios

2 comentários em “10 dicas para uma viagem de cruzeiro

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s